Coronavirus 728x90

Colaboradores do STF confeccionam máscaras para profissionais de saúde do HUB

Por Redação em 17/04/2020 às 20:02:20

Para ajudar a suprir o estoque de equipamento de proteção individual do Hospital Universitário de Brasília (HUB), servidores e terceirizados do STF entregaram à instituição, nesta sexta-feira (17), 500 máscaras confeccionadas por eles. O lote é endereçado a profissionais de saúde que atuam na linha de frente na luta contra o coronavírus. A iniciativa partiu da Coordenadoria de Memória e Gestão Documental, da Secretaria de Documentação (SDO) do Tribunal, diante da pandemia que vem provocando a escassez do produto.

Quatro colaboradores montaram ateliê doméstico em espaço destinado exclusivamente à produção das peças, sob orientações técnicas do HUB. Os critérios seguiram protocolos de segurança, de higiene e sanitário. Para evitar a contaminação do produto, o espaço teve que permanecer limpo, fechado e restrito à circulação de pessoas. Já o maquinário passava por constante assepsia, e os costureiros usaram máscaras e luvas. Os insumos, tecidos, elásticos, linhas e arames, foram fornecidos pelo hospital.

O voluntário Ênio Simões explicou que a ideia era colaborar com a prevenção ao coronavírus com base na padronização técnica. “Me sinto grato e honrado por colaborar”, disse ele.

“É muito gratificante poder contribuir com o País nesse momento difícil”, declarou outra voluntária, Laís Evangelista Bezerra. Colaboraram também Elinete Costa e Maria Carla França.

Parceria

A coordenadora Ana Paula Oliveira contou que os trabalhos de colaboração ao enfrentamento da pandemia continuarão nos próximos dias. “Hoje entregamos 500 máscaras produzidas nesta semana e recebemos mais material para entregas futuras”.

Outras equipes do STF estão produzindo material informativo e adesivos em vinil com a frase "Lave as mãos", também para o hospital. “A ajuda é singela, mas sabemos que é necessário unir esforços neste momento”, diz Ana Paula.

PS/EH

Fonte: STF

InfoJud 728x90